GAC-PE lança campanha para marcar o Setembro Dourado

Por Combogó - 9 de setembro de 2016

Estimular a prática do diagnóstico precoce do câncer infanto-juvenil, a principal ferramenta de prevenção e combate a doença. Esse é principal objetivo do “Fique Atento: Pode ser Câncer”, campanha realizada pelo Grupo de Ajuda à Criança Carente com Câncer – Pernambuco (GAC-PE), em parceria com o Centro Acadêmico de Vitória (UFPE), para marcar o Setembro Dourado, mês de conscientização sobre o combate ao câncer infantojuvenil. A grande novidade desta segunda edição “Fique Atento: Pode ser Câncer” será a capacitação dos professores da rede municipal de ensino do Recife. Profissionais de mais de 300 escolas participarão de palestra de capacitação sobre sinais e sintomas que alertam para suspeição de diagnóstico precoce. “A ideia surgiu pelo fato de sabermos que as crianças passam, em média, um terço de suas vidas na escola. Então, caso os pais não percebam algum sintoma, os professores e coordenadores são o segundo grupo com mais chance de perceber esses aspectos nos alunos”, explica a presidente do GAC-PE, Dra. Vera Morais.

Como na edição de 2015, o “Fique Atento: Pode ser Câncer!” também, promoverá capacitação voltada para profissionais das equipes de Estratégia de Saúde da Família (ESF), com o objetivo de facilitar o diagnóstico nas unidades de saúde com o suporte da telessaúde. Ao todo, 518 profissionais do Distrito Sanitário IV do Recife receberão o treinamento, que acontecerá por meio do Núcleo de Telessaúde da UFPE (NUTES), que oferece recursos para realização de aulas através de telecomunicação. As aulas serão iniciadas no dia 14 de setembro e devem seguir até 23 de novembro